Será que cachorro com a língua de fora é sede?

Quem convive com pets tem o privilégio de passar boa parte de seus dias com a melhor das companhias. Isso porque ter um animal de estimação muda a vida de qualquer um, e para melhor.

Conhecidos como os melhores amigos dos seres humanos, independentemente de raça ou porte, os cães têm comportamento geralmente amigável e uma afinidade maior com os humanos, comparados a muitos outros tipos de pets.

E por falar em comportamentos, por que será que os cães vivem com a língua de fora?

Quem tem um pet em casa, com certeza já se perguntou isso em algum momento. O fato é que eles parecem simplesmente não conseguir manter a língua dentro da boca.

Mas, ao contrário do que muita gente pensa, a sede não é o único motivo pelo qual eles se comportam assim. Vamos começar conhecendo um pouco mais sobre a língua desses animais.

 

Características da língua do cachorro

Diferente de nós, humanos, a língua dos cachorros tem várias funções além de sentir sabores e beber água, e há diversos motivos pelos quais ele a coloca para fora.

A língua dos cães possui características que os auxiliam em funções como:

 

Regular a temperatura

Como os cães não possuem narinas muito extensas, a língua supre essas funções, e permite que o cão transpire através dela. Assim, pelo contato com o ar, a umidade da língua resfria o fluxo de sangue, controlando a temperatura corporal.

Forma de transpiração - Cachorro com a língua de fora é sede?

A língua de fora é uma forma de transpiração para os cães.

Favorecer a circulação sanguínea

Sabe quando a língua do seu cachorro parece enorme, especialmente quando ele está cansado? Isso se deve ao aumento do fluxo sanguíneo local, e faz com que ele retome o fôlego mais rapidamente.

 

Higiene

Assim como outros animais, os cães utilizam a língua para lamber feridas, bem como outras partes do corpo, a fim de higienizá-las.

 

Socialização

Cachorro com a língua de fora não é apenas sede. A língua é uma das partes mais sensíveis de um cão, e ele pode usá-la inclusive para lamber outro cão, por exemplo, no intuito de acalmar ou prevenir qualquer gesto hostil por parte do outro, ou pode estar simplesmente socializando.

Podemos concluir, por essas e outras razões que, muito além da diversão, quando um cão coloca a língua para fora, ele pode ter inúmeros motivos para fazer isso, inclusive de ordem biológica.

 

Artigos Relacionados

 

Cachorro com a língua de fora: o que pode ser?

Alguns dos motivos mais comuns para esse comportamento do seu cão são:

Sede

Se a boca de seu cão ficar seca em algum momento, fatalmente ele colocará a língua para fora, a fim de umidificá-la. Saiba por que a hidratação do pet é fundamental para a saúde do animal.

 

Cansaço 

Neste caso, os cães colocam a língua para fora da boca para normalizar o fluxo sanguíneo e favorecer a recuperação.

 

Excitação

Em momentos como este, seu cão pode sentir certa dificuldade para respirar, então a língua de fora o ajuda a respirar melhor.

Excitação - Cachorro com a língua de fora é sede?

Em momentos de excitação, os cães podem sentir dificuldade para respirar, por isso ficam com a língua de fora.

 

Dor 

Absolutamente nenhum cão consegue controlar, nem mesmo o focinho, quando está com algum tipo de dor, logo, a língua ficará para fora.

 

Frio ou calor 

A língua funciona como um tipo de radiador, que ajuda a regular a temperatura corporal do animal. E se o cachorro com a língua de fora respirar ruidosamente, é uma maneira de acelerar esse processo.

 

Nenhum dos motivos anteriores: o que fazer?

A partir de agora, espera-se que você já saiba identificar algumas das principais razões pelas quais é comum ver seu cachorro com a língua de fora durante a maior parte do tempo. Entretanto, é necessário ficar atento, pois o cão manifesta também quando não está bem, e esses sinais não devem ser confundidos com os que já explicamos aqui anteriormente.

Não se enquadrando em nenhuma das razões citadas, se você notar que, além da língua de fora, seu cão apresenta uma respiração ruidosa e repetitiva, por exemplo, provavelmente seja melhor procurar um veterinário. Aliás, buscar ajuda para seu cãozinho é algo que você deve fazer sempre que observar alguma alteração brusca nele, seja de ordem fisiológica ou comportamental.

Os animais nos dão, constantemente, muito mais que afeto: todas as suas atitudes podem ser sinais de como estão se sentindo. Observe seu cão e retribua o cuidado e carinho que ele lhe oferece todos os dias.

Ficou com alguma dúvida sobre cachorro com a língua de fora ou quer saber mais sobre o assunto? Deixe seu comentário. Será um prazer para nós!

Cadastre-se em nossa Newsletter